“Mulher Invisível” atrai 200 mil pessoas

mulher-invisivel

A nova comédia nacional em cartaz nos cinemas brasileiros vendeu 225.082 ingressos e já acumula uma renda de US$ 1.193.774, de acordo com os dados da Nielsen EDI. “A Mulher Invisível”, filme de Cláudio Torres que traz os famosos Selton Mello e Luana Piovani na trama central, chegou oficialmente ao mercado no dia 5 de junho com 206 cópias, mas 102 delas já exibiam o filme em pré-estreia semanas antes.

O público até o último final de semana de maio era de 46.115. Ou seja, de lá para cá, mais 178.967 pessoas viram o filme, o que dá uma média geral de 1.092 espectadores por cópia. Na coprodução de “A Mulher Invisível”, assinam a Conspiração Filmes, Lereby, Globo Filmes e Warner Bros.

O filme deverá dar continuidade à boa recepção dos espectadores brasileiros para as comédias, seguindo o exemplo de “Divã”, que segue no Top 10, agora com 125 cópias espalhadas pelo país, público de 1.638.508 pessoas e renda de US$ 7.714.844.

Em primeiro lugar no ranking da Nielsen está “O Exterminador do Futuro – A Salvação”, com renda de US$ 2.002.571, 389.945 espectadores e 330 cópias no mercado brasileiro.

A estreia cult da distribuidora Imovision, “Caramelo”, da diretora e protagonista libanesa Nadine Labaki, chegou bem às salas, com 13 cópias, 5.452 espectadores e renda de US$ 32.170.

Faça o download e confira os números completos de Box Office da Nielsen EDI.